Cerca sanitária, comandantes acusados de facilitar violações

Spread the love

Cidadãos acusam comandantes de estarem a se aproveitar das restrições impostas pelas autoridades para fazerem negócios, facilitando quem paga para sair ou entrar em Luanda.

Segundo denuncia recebida pelo Confidence News, apesar de existir comissão oficial encarregue de conceder devidas autorizações, o mau funcionamento desta, empurra muita gente para estes negócios ilícitos que podem facilitar a propagação da doença.

De acordo com os denunciantes, apesar de já ter sido denunciado publicamente, continuam a ser negociados falsos testes da COVID-19, visando facilitar quem entra ou sai.

Sabe o Confidence News, que já em finais de junho o jornal Economia e Mercado havia denunciado tais práticas.

Cidadãos «que não reúnem os requisitos formais referenciados, normalmente, “colaboram” com a polícia, para furar a cerca, quer seja durante o dia como durante as noites em troca de dinheiro. A prática segundo dizem os populares pode concorrer para o contágio e a consequente propagação da Covid-19.»

Uma fonte na Polícia, reconheceu existir “algum comportamento indecoroso” por parte de alguns agentes e garantiu ao Confidence News que os que forem denunciados serão expulsos da corporação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial